Escute nossa Rádio Online

Rádio 96,1 FM Rádio Light Rádio 1390 AM

POLÍCIA MILITAR TENTA IDENTIFICAR HOMENS QUE INVADIRAM SANTA CASA – RIVAL QUE ELES QUERIAM EXECUTAR FOI TRANSFERIDO

/ Polícia

Postado por: Administrador - em 09/01/2018 às 07:52

O comandante do 37º Batalhão da Polícia Militar em RESENDE, o tenente-coronel, ROGÉRIO JACKES DA SILVA, informou na tarde passada, que o Setor de Inteligência está trabalhando para tentar identificar o bando, formado por oito homens fortemente armados, que invadiram a Santa Casa do município, durante a madrugada de segunda. Quatro dos bandidos que estavam encapuzados, sendo dois deles armados com pistolas e outros com armas de cano longo, entraram na unidade de saúde a procura de um paciente baleado que estaria na enfermaria. Enquanto parte do bando ficou do lado de fora da Santa Casa, dentro de uma Tucson prata e de um Fiat Doblo, de placas não identificadas, dando cobertura na ação dos comparsas. Segundo o comandante JACKES, os homens, estariam a procura de LEANDRO ROSA DE SOUZA, mais conhecido como LD, de 26 anos, morador no bairro Jardim Alegria. LD, que seria o terceiro homem na linha de sucessão da facção criminosa do Comando Vermelho, que atua no bairro Cidade Alegria, e um dos suspeitos de ter participado, na madrugada do dia 27 de dezembro, junto com mais dois homens ainda não identificados, de uma tentativa de invasão na sede administrativa da Prefeitura de Itatiaia. A hipótese, na época, é que os criminosos tentavam chegar até o caixa eletrônico que fica localizado no primeiro piso da sede administrativa. Para o comandante, criminosos queriam executar LD. “Na nossa interpretação os bandidos, que seriam da facção criminosa Terceiro Comando, rival ao Comando Vermelho, estariam atrás de LD para uma execução e não um resgate como foi ventilado no primeiro momento”, disse o comandante, informando ainda provavelmente, o bando não é de Resende e cometeu esta ação atrapalhada”, analisou. LEANDRO ROSA DE SOUZA, o LD, que estava internado no Hospital de Emergência Henrique Sérgio Gregori, foi transferido na tarde passada, para o Hospital do Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Em nota, a prefeitura de Resende, informou que o homem procurado por eles não se encontrava internado no hospital. O servidor municipal que foi agredido pelo bando foi atendido no próprio local por um médico plantonista e já foi liberado. Apesar do grande susto, os pacientes que estavam internados na unidade de saúde passam bem e os serviços na Nova Santa Casa seguiram normalmente durante todo o dia de ontem, prestando atendimento à população.

Submenu